Dilma vaiada na Copa
A presidente Dilma Rousseff e o mandatário da Fifa, Joseph Blatter, foram hostilizados na abertura da Copa, nesta quinta-feira (12), no Itaquerão.Informou a Folha de São Paulo.
Dilma  foi hostilizada quatro vezes durante o dia. Na primeira, antes da partida, os torcedores gritaram “ei, Dilma, vai tomar no c…”, enquanto outros gritavam “ei, Fifa, vai tomar no c…”. Os xingamentos contra Dilma foram fortes, mas localizados. Começaram na área VIP (uma das mais caras) e, em seguida, se espalharam pelo estádio. A hostilidade não durou muito tempo, mas acabou voltando após o hino nacional.