Com delegacias fechadas, Polícia Militar fica sem ter para onde levar presos


A Polícia Militar não sabe para onde levar pessoas presas nesta quarta-feira, 26. Isso porque as delegacias estão sem funcionamento devido à paralisação de policiais civis na denominada Operação Zero. 

Uma reunião deve acontecer, ao longo do dia, na Secretaria da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed) para que sejam resolvidos os problemas causados pela paralisação na Polícia Civil. 

Nas delegacias, agentes e escrivães estão concentrados à espera de um posicionamento do Estado sobre o pagamento de salários. Outro ponto que preocupa a Polícia Militar, conforme consulta feita pela reportagem, é o atraso no recolhimento de corpos pelo Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep). 

Servidores do órgão também aderiram à Operação Zero e apenas uma pequena equipe está de plantão. O movimento de paralisação de servidores teve início após o governador Robinson Faria (PSD) ter anunciado o pagamento do 13º salário de 2017 dos policiais militares, sem fazer o mesmo para as outras categorias da Segurança Pública. Portal No Ar