PALHARES NETO pede demissão do cargo de Secretário de Tributação da Prefeitura de Angicos


O advogado José Severiano de Palhares Neto, pediu demissão do cargo comissionado de Secretário Municipal de Tributação e Arrecadação/CC1, nomeado pela Portaria n° 150/2017, de 16 de maio de 2017.

A Portaria de Exoneração Nº 002/2020, de 02 de janeiro de 2020, e publicada nesta sexta-feira (03) no Diário Oficial dos Municípios, estampada na página eletrônica da Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte - FEMURN, é assinada pelo prefeito Deusdete Gomes de Barros (PSDB).

Palhares Neto como é conhecido, é filho da vereadora Edileuza Palhares (MDB), quando em meio a crise política entre o prefeito Deusdete Gomes e o vice-prefeito Pinheiro Neto, ela disputou a eleição da presidência da Câmara apoiada pelo prefeito Deusdete em maio de 2017. 

Edileuza disputou e perdeu a eleição da Presidência da Câmara Município de Angicos para o atual presidente do legislativo angicano, vereador Cloves Tibúrcio, apoiado pelo vice-prefeito que desecandeou a crise e por conseguinte o rompimento político-administrativo entre o prefeito e vice.

Para compensar a eleição fracassada de Edileuza, o prefeito Deusdete Gomes nomeou Palhares Neto no cargo de secretário municipal de Tributação e Arrecadação do município. 

Palhares substitui na época o irmão do vice-prefeito Pinheiro, o senhor João Maria da Costa Pinheiro, presidente do diretório municipal do Movimento Democrático Brasileiro - MDB de Angicos.

Em substituição a Palhares, o prefeito Deusdete Gomes designou a senhora Bruna Adriana Zumba BARRETO, para responder pelas atribuições inerentes ao cargo de Secretário Municipal de Tributação e Arrecadação do Município de Angicos/RN.

Bruna Barreto é atual Chefe de Gabinete Civil da Prefeitura e assume o cargo sem prejuízo da função do seu cargo que atualmente ocupa e sem ônus para os cofres públicos, até ulterior deliberação.

Abaixo a cópia das Portarias: