Prefeitura de Angicos adota medidas e acolhe família que vivia em situação de vulnerabilidade no lixão da cidade


Para garantir os direitos básicos dos cidadãos, sobretudo as crianças e adolescentes, a Prefeitura de Angicos por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social, adotou as medidas necessárias impedindo a moradia de uma família constituída de 7 pessoas na área do lixão da cidade.

Foi assegurado a disponibilização na noite de ontem segunda-feira, 25 de maio de 2020, de moradia (temporariamente no Clube Municipal) e posteriormente por meio de aluguel social custeados pela Prefeitura, de modo que permita que não retornem ao local como residência.

A Prefeitura de Angicos ainda disponibilizou cestas básicas para alimentação da família, além disso, desde o primeiro momento foi assegurado também apoio com equipamentos de proteção diante da Pandemia do novo coronavírus, e assim, realizem a coleta de modo mais seguro.

A presença de crianças e de adolescentes na área do lixão deve ser proibida, mediante o efetivo controle sobre o acesso ao local. A fiscalização deve ficar a cargo do Conselho Tutelar de Angicos.

Em razão da situação de vulnerabilidade social, de extrema pobreza e riscos iminentes à saúde com a permanência naquela localidade, foi buscada ações imediatas e emergenciais para retirada daqueles catadores do local, as medidas de amparo social efetivas foram coordenadas pela Ação Social do município.

No fim, tudo resolvido!
Foto: Blog do Carlos Costa