Secretaria de Saúde de Angicos vai apurar caso de servidores que descumpriram normas sanitárias contra a Covid-19


A gestão do prefeito Pinheiro Neto recebeu uma enxurrada de críticas nas redes sociais, isto devido a postura inconsequente de alguns servidores municipais durante a entrada do fim de semana. Tais denúcias apontam que funcionários teriam desobedecido normas estabelecidas por meio de Decretos Estadual, Municipal e pela Promotoria de Justiça, que adotam uma série de restrições tendo em vista o crescente aumento dos casos de Covid-19 no município e região. 

Baseado neste lamentável acontecimento, a Secretaria de Saúde, emitiu nota externando publicamente o repúdio contra atitude de servidores ligados a saúde, e advertiu que irá apurar tais fatos e caso sejam constatados, os mesmo, serão devidamente punidos em conformidade com o que preconiza a recomendação do Ministério Público.

Acompanhe a Nota oficial de repúdio:

A prefeitura de Angicos, através da Secretaria Municipal de Saúde, repudia profundamente a atitude de alguns funcionários da saúde do município que deliberadamente, durante esse fim de semana, descumpriram normas sanitárias em vigor na luta contra a Covid-19.

Fotos em redes sociais, publicadas pelos próprios servidores, mostraram aglomerações e atitudes descabidas praticadas por eles, o que entra em conflito direto com a recomendação do Ministério Público, que estabelece punições e sanções para aqueles que não cumprirem as regras dos Decretos do estado e do município.

Informamos ainda, que a gestão irá apurar administrativamente cada caso, e possíveis punições serão aplicadas, em alinhamento com a Promotoria de Justiça da Comarca, que determinou fiscalização imediata.

Lamentamos profundamente que tais atos inconsequentes estejam acontecendo, e asseguramos a toda a população angicana que estamos vigilantes e imparciais.

Sem mais para o momento, que Deus abençoe todos nós.

Miguel Pinheiro Neto – Prefeito de Angicos

Sheila dos Santos Verde – Secretária Municipal de Saúde

Angicos Notícias