Bancada do PSD em Ceará-Mirim abandona Júlio César e anuncia apoio a Ronaldo Venâncio

Todos os três vereadores não vão mais apoiar o nome do partido por discordar da forma de fazer política de Júlio César 

Os três vereadores que representam o PSD em Ceará-Mirim na Câmara Municipal vão apoiar agora o nome do prefeito interino Ronaldo Venâncio (PV), na eleição suplementar que acontece no dia 01 de dezembro. 

Os vereadores Carlão Ramalho, Arnaldo de Muriú e Carina Freitas não vão acompanhar o PSD e a terceira candidatura de Júlio César por discordarem da forma de fazerem política do dirigente do partido.  

A Convenção que vai homologar mais uma vez o nome de Júlio César será nesta sexta-feira (25), mas não contará com nenhum vereador da sigla. Inclusive, o vereador Carlão Ramalho que teve 1.700 votos na última campanha e ficou em segundo lugar é cunhado de Júlio César, mas mesmo com o laço familiar decidiu não mais acompanhar o dirigente do PSD, como fez nas duas últimas campanhas que Júlio disputou a prefeito e perdeu em 2012 e 2016. 

Na última campanha, os três vereadores Carlão Ramalho, Arnaldo de Muriú e Carina Freitas tiveram juntos quase 4 mil votos, quase a soma dos ouros 19 nomes que concorreram pelo PSD na última campanha em Ceará-Mirim.