Servidores da ALRN participam de Fórum sobre Governança com foco no Planejamento


O controle na Administração Pública feito por órgãos e instituições vem mudando a realidade da Gestão Pública em todo o Brasil. Um dos itens obrigatórios na proteção e ajustes da administração pública é o Planejamento Estratégico. 

Em busca da equalização deste planejamento, servidores da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte participam do debate no 3º Fórum Nacional de Controle, que ocorre em Brasília nesta quinta (28) e sexta-feira (29). 

O presidente da República, Jair Bolsonaro cumprimentou os participantes destacando a importância do controle das contas públicas. “Tenho visto muitos colegas políticos desistindo de candidaturas por questões de processos administrativos posteriores ao mandato, principalmente ordenando corretamente as contas públicas”, destaca o presidente.

Os fundamentos da Administração Pública, as diretrizes da gestão e a governança da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte integram o planejamento estratégico intitulado de “Horizonte 2023” foram destacadas na conferência. “As ações do planejamento estratégico são acompanhadas pela Controladoria da Casa e através do curso podemos equilibrar os termos estaduais aos nacionais, visando otimizar os resultados para o RN”, comenta o Chefe da Controladoria da Assembleia, Sérgio Teixeira.

Na sede do Tribunal de Contas da União, a servidora da Assessoria de Planejamento e assessora consultiva da ALRN, Ilany Maciel aponta que a implantação da governança na Assembleia Legislativa poderá resultar em um novo modelo de gestão. “A inovação nos processos administrativos e de planejamento estratégico estão em constante modernização, sendo importante a atualização permanente das ações do legislativo”, comenta.

O processo de governança e os procedimentos da Controladoria da ALRN também foram comentados pelo servidor estatutário, Müller de Medeiros, participante do curso no Instituto Serzedello Côrrea. “A Controladoria da Assembleia vem capacitando seus servidores para o adequado exercício das atribuições do órgão, e o Fórum se revela uma oportunidade ímpar de atualização sobre as tendências e inovações da área”, destaca.

Um dos temas debatidos em todos os painéis do Fórum Nacional de Controle foi a transparência. “A percepção das questões administrativas e a comunicação desses atos estabelece o princípio norteador da administração pública, que se traduz na transparência. É preciso acompanhar o planejamento estratégico e a condução do trabalho feito no legislativo estadual com as lupas usadas no controle estadual e também federal”, comenta a jornalista e diretora de Comunicação da ALRN, Marília Rocha.

A transparência e conduta das políticas públicas com foco na inovação, liderança e estratégia também será tema de palestras de amanhã (29), dando continuidade ao Fórum Nacional de Controle.
Após o curso, os servidores irão encaminhar a análise do Planejamento Estratégico para os próximos anos (2020 - 2023).

 Prêmio Gestão

Os avanços no poder legislativo potiguar ganhou repercussão nacional após a premiação em primeiro lugar conquistada na categoria Gestão na Conferência da União Nacional dos Legisladores e Legislativos (Unale).