ANGICOS está na lista da zona de perigo com taxa de transmissibilidade da Covid-19 de 2,23


O município de ANGICOS, localizado na região Central potiguar, apareceu na lista em zona de perigo com taxa de transmissibilidade do coronavírus de 2,23. Os dados são da plataforma de monitoramento da pandemia desenvolvida pelo Laboratório de Inovação tecnológica em Saúde (LAIS) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN).

A ineficiência e incompetência no combate e prevenção da Covid-19 tem sido a marca registrada da gestão do prefeito Pinheiro Neto (MDB) desde quando assumiu o Poder Executivo Municipal em janeiro deste ano. De lá pra cá, os casos confirmados só aumentaram em números que são assustadores. Mesmo diante de decretos fajutos em que a gestão insiste em fazer publicações e edições toda semana, de nada adiantou para a diminuição dos casos da covid-19 na cidade.

De acordo com os números, além de ANGICOS, outros 14 municípios do estado estão em zona de perigo, com taxa de transmissibilidade do vírus acima de 2,0. Isso significa dizer que, estatisticamente falando, 100 pessoas doente contaminarão 200 saudáveis. O nível é o mais alto na escala apontada pelo Lais. A população do RN dentro dessa zona é de 117.040. O município com a maior taxa é Lajes, na região Central do RN, com 7,97.

Em risco, com taxa de transmissibilidade entre 1,03 e 2,00, são 69 municípios. A população nesse grupo é de 870.622. Na zona neutra, que tem taxa entre 1,03, estão 10 cidades do Rio Grande do Norte. Por fim, a zona segura contém 73 municípios – entre eles estão Natal, Mossoró e Parnamirim, as principais cidades do estado. Contudo, a menor taxa é encontrada em Itajá, com 0,29.

De acordo com o Lais, a taxa de transmissibilidade é um indicador importante para analisar a pandemia do coronavírus. No entanto, o laboratório destaca que os dados não podem ser utilizados separadamente. “É preciso considerar outros indicadores nas avaliações dos contextos epidemiológicos”, apontou.

Confira os dados em todos os municípios do RN, separados por zonas:

Zona de perigo (taxa maior que 2,00)

Lajes 7,97
Bento Fernandes 5,13
Januário Cicco 5,00
Caiçara do Rio do Vento 4,96
Venha-Ver 4,67
Ruy Barbosa 4,31
Ielmo Marinho 3,96
São Pedro 3,88
Poço Branco 3,71
Lagoa D’Anta 2,82
Sítio Novo 2,59
Vila Flor 2,37
Major Sales 2,26
Angicos 2,23
Taipu 2,07

Zona de risco (taxa maior que 1,03 a menor ou igual a 2,00)

Santa Maria 1,92
São Fernando 1,71
Marcelino Vieira 1,69
Pilões 1,59
Serrinha 1,59
Caiçara do Norte 1,58
Jardim de Angicos 1,55
Pedro Velho 1,55
Areia Branca 1,54
Cerro Corá 1,53
Coronel João Pessoa 1,53
Ipueira 1,52
Rio do Fogo 1,48
Taboleiro Grande 1,47
Frutuoso Gomes 1,42
Carnaúba dos Dantas 1,41
Viçosa 1,39
Nova Cruz 1,38
Serra de São Bento 1,37
Florânia 1,36
Messias Targino 1,36
Almino Afonso 1,34
Janduís 1,32
Serra Negra do Norte 1,32
Tenente Ananias 1,31
Alto do Rodrigues 1,28
Fernando Pedroza 1,28
Luís Gomes 1,28
Paraná 1,28
São Paulo do Potengi 1,28
Nísia Floresta 1,27
Barcelona 1,26
Brejinho 1,26
Encanto 1,26
Martins 1,26
Antônio Martins 1,24
Bom Jesus 1,22
Parelhas 1,22
Senador Georgino Avelino 1,22
Touros 1,22
Macau 1,21
Jaçanã 1,19
Riachuelo 1,19
Campo Redondo 1,18
Currais Novos 1,18
Passa e Fica 1,18
Jundiá 1,17
Pendências 1,17
Goianinha 1,16
Japi 1,16
Jardim de Piranhas 1,16
João Câmara 1,16
Monte Alegre 1,14
Monte das Gameleiras 1,12
Canguaretama 1,11
Jardim do Seridó 1,11
Francisco Dantas 1,10
Ipanguaçu 1,10
Montanhas 1,10
Ceará-Mirim 1,09
Acari 1,08
Doutor Severiano 1,08
Afonso Bezerra 1,07
Lagoa de Velhos 1,07
São Bento do Trairi 1,07
Tenente Laurentino Cruz 1,07
Carnaubais 1,06
Alexandria 1,05
Lagoa Nova 1,04

Zona neutra (Maior que 1,00 a menor ou igual a 1,03)

João Dias 1,02
Lajes Pintadas 1,02
Riacho da Cruz 1,02
Santana do Matos 1,02
São Vicente 1,02
Baraúna 1,01
Ouro Branco 1,01
São Miguel do Gostoso 1,01
Triunfo Potiguar 1,01
Upanema 1,01

Zona segura (igual ou menor a 1,00)

Açu 1,00
Galinho 1,00
Augusto Severo 0,99
Bodó 0,99
Parnamirim 0,99
Portalegre 0,99
Cruzeta 0,97
Equador 0,97
Mossoró 0,97
Macaíba 0,95
José da Penha 0,94
Rafael Fernandes 0,94
Apodi 0,93
São João do Sabugi 0,93
Senador Elói de Souza 0,93
Vera Cruz 0,93
Espírito Santo 0,92
Tangará 0,92
Extremoz 0,91
Maxaranguape 0,91
Riacho de Santana 0,91
Arez 0,90
Caicó 0,89
Itaú 0,89
Lagoa de Pedras 0,89
Olho D’Água do Borges 0,89
Santa Cruz 0,89
Santo Antônio 0,89
Várzea 0,89
Natal 0,88
São Tomé 0,88
Rodolfo Fernandes 0,87
São José do Campestre 0,87
Lucrécia 0,85
Pau dos Ferros 0,85
São Gonçalo do Amarante 0,84
São José de Mipibu 0,84
Caraúbas 0,83
Guamaré 0,83
Serra Caiada 0,81
Serrinha dos Pintos 0,80
Grossos 0,79
Umarizal 0,77
Patu 0,76
Timbaúba dos Batistas 0,76
Governador Dix-Sept Rosado 0,75
Lagoa Salgada 0,75
Pureza 0,75
Pedro Avelino 0,74
Pedra Preta 0,73
Rafael Godeiro 0,73
São Miguel 0,71
Tibau do Sul 0,70
Jucurutu 0,69
São Francisco do Oeste 0,69
Serra do Mel 0,68
Passagem 0,67
Jandaíra 0,63
Parazinho 0,62
Porto do Mangue 0,61
Baía Formosa 0,60
São José do Seridó 0,55
Severiano Melo 0,55
Tibau 0,54
Paraú 0,53
Pedra Grande 0,51
São Rafael 0,51
Água Nova 0,50
Coronel Ezequiel 0,50
Santana do Seridó 0,46
São Bento do Norte 0,44
Felipe Guerra 0,32
Itajá 0,29

Foto: Leonardo Ribeiro