MACAU: Comentário homofóbico derruba Maestro Damião Sena, da Filarmônica Monsenhor Honório


Talentoso como músico, o Maestro Damião Sena, envolvido em uma recente polêmica que tomou conta da cidade, após um post nas suas redes sociais, onde foi infeliz em um comentário, ao se referir a uma determinada pessoa ou a um grupo de homossexuais, perdeu o posto.
E não podia se esperar reação diferente.

A atitude de punir Damião pelo infeliz comentário veio de um governo que já no seu primeiro ano acolheu marisqueiros, pessoas com deficiência e a população GLBTQ + sem medo do olhar  preconceituoso da sociedade. 

Refrescando a memória:
Foi na gestão de Tulio que pela primeira vez na história da cidade, um gay, uma lésbica, uma pessoa com deficiência, um cigano, um idoso e um representante do candomblé hasteou um pavilhão nacional, estadual e municipal, na Semana Pátria, ao lado de autoridades.
Por Celso Amanso

Veja o comentário homofóbico do Maestro Damião Sena:


Angicos
Atualmente, o maestro Damião Sena é o regente da filarmônica Itanildo Medeiros, em Angicos. Ele está a frente da escola de música do município desde o ano de 2017. Em Macau, o prefeito Túlio Lemos não poupou a cabeça do maestro após seu comentário homofobico e o demitiu após a polêmica ter se espalhado por toda cidade e região Salineira.