Comoção e tristeza no sepultamento de Witamara Cunha realizado na tarde dessa quinta, 17


Foi sepultado no final da tarde dessa quinta-feira (17) o corpo de Witamara de Souza Cunha. Ela foi morta por estrangulamento. De acordo com a Polícia Civil, o marido da vítima é suspeito de tê-la assassinado, ele foi preso em flagrante e transferido para um presídio onde ficará a disposição da Justiça.

Familiares, parentes e amigos de Witamara acompanharam o cortejo fúnebre da residência de sua mãe no bairro Alto da Alegria até o Cemitério Público Parque da Saudade, no centro da cidade. 


Muita comoção e tristeza marcaram o sepultamento da jovem, comovidos alguns populares ainda perplexos e sem acreditar rezavam e pediam que a justiça fosse feita.

Witamara tinha 36 anos de idade e deixa cinco filhos. Ela foi encontrada morta dentro de casa na noite desta quarta-feira (16) no bairro Prefeita Zélia Alves em Angicos, na Região Central do estado. No local, policiais também acharam o companheiro dela, que estava inconsciente e foi socorrido ao Hospital Municipal da cidade.


A Polícia Civil inicialmente não apontou o homem, que tem 40 anos de idade, como possível responsável do crime. No entanto, após os exames na vítima revelarem o motivo da morte, ele passou a ser o principal suspeito. Só estavam os dois em casa na hora do crime que é tratado como feminicídio.

Fotos: Gilberto Rocha - Tribuna do Cabugi