Assembleia sugere medidas de prevenção de acidentes durante o teletrabalho


Com a pandemia do Coronavírus e a suspensão dos trabalhos presenciais na Assembleia Legislativa até o próximo dia 30 de abril, o teletrabalho se tornou uma opção para deputados e servidores. Dessa forma, a Casa adaptou a Campanha Abril Verde – que visa melhores condições de trabalho para os colaboradores - e sugeriu medidas de prevenção de acidente para quem tá praticando o isolamento social, prevenindo também de acidentes domésticos.

A Coordenadoria de Gestão de Pessoas fez as adaptações com o objetivo de contribuir com a segurança das famílias e propõe medidas e orientações de ergonomia e de prevenção aos acidentes domésticos, que podem acontecer com mais frequência devido o maior tempo em que as pessoas têm ficado em casa.

“O objetivo principal da campanha é prevenir. Nesse caso, como os servidores da Assembleia Legislativa e demais trabalhadores estão exercendo suas atividades em casa, vimos a necessidade de fazer uma adaptação à campanha. Já que as pessoas estão em casa, ajustamos no sentido de prevenir quanto aos acidentes domésticos”, explicou o Coordenador de Gestão Pessoas da ALRN, Thyago Cortez.

Thyago Cortez também explicou que os servidores da Coordenadoria de Gestão de Pessoas estão trabalhando em casa, por meio de teletrabalho e comunicação via aplicativos de celular para promover a campanha. De acordo com ele, o objetivo maior é evitar que os acidentes ocorram, mas, em ocorrendo, a campanha também orienta como proceder para minimizar os efeitos.

Nesse sentido, a primeira orientação é ligar para os telefones de emergência do Corpo de Bombeiros (193), SAMU (192) e Polícia Militar (190), antes de realizar qualquer procedimento. Em caso de necessidade, a campanha disponibiliza orientações de como proceder e realizar primeiros socorros em casos de engasgo e asfixia de adultos, crianças e bebês; queimaduras; intoxicação; escoriações; fraturas; hemorragia; desmaios; convulsões; choque elétrico; ataques de animais peçonhentos; entre outras complicações.

Quanto à ergonomia, é importante definir um lugar para o trabalho, observando se o ambiente oferece algum ruído que possa atrapalhar a concentração. A luminosidade e a ventilação também devem ser levadas em consideração, assim como os horários de pausas.

A posição do corpo deve ser observada para que, ao sentar em frente à mesa, os joelhos, quadris e cotovelos fiquem em um ângulo de aproximadamente 90º em relação aos apoios.

Esses são alguns cuidados para quem não está acostumado a trabalhar de forma remota não prejudicar a saúde. Realizar alongamentos simples e aplicar a ergonomia de forma correta podem fazer uma grande diferença no dia a dia, tanto para movimentar o corpo quanto para garantir uma boa circulação sanguínea.